Visão Estratégica
Visão Estratégica > Ensino | Formação interna | Investigação | Responsabilidade social

O Laboratório de Competências (LaC) é uma estrutura criada em 2002 que se insere na Faculdade de Ciências da Saúde da Universidade da Beira Interior (FCS-UBI). Teve como génese e primeiro motor de desenvolvimento o ensino pré-graduado no Mestrado Integrado em Medicina, principalmente na sua vertente prática. Ao longo dos anos evoluiu, dando também relevo ao desenvolvimento de competências não-técnicas e apoiando o ensino pré-graduado no Mestrado Integrado em Ciências Farmacêuticas e na Licenciatura em Ciências do Desporto.

A necessidade de promover um ensino de qualidade levou, naturalmente, ao surgimento de uma componente de formação interna, baseada nos princípios fundamentais da educação. A formação contínua dos docentes e colaboradores é um ponto crucial que garante a dinâmica necessária ao processo de ensino/aprendizagem. A investigação em educação médica e em outras ciências da saúde emergiu da necessidade de avaliação do real impacto que as diversas metodologias de aprendizagem têm em cada aluno, de forma individualizada, assim como da necessidade de avaliar a aquisição das competências propostas para cada um, no decorrer dos módulos e cursos. Dessa forma, a educação baseada na evidência é uma questão fulcral para a construção de todo o programa de ensino do LaC. Em última análise, a responsabilidade social é a missão central, na medida em que é para a comunidade que uma estrutura como o LaC desenvolve os seus esforços. A contribuição direta e indireta que se pode oferecer à melhoria da saúde e educação da população é o grande desafio do LaC.

A preparação de profissionais de saúde com alto nível de competências sociais e técnicas, suportada pela investigação e desenvolvimento de programas na área da Educação Médica e outras Ciências da Saúde é a meta que orienta o trabalho do LaC. A visão estratégica global aponta, assim, para um impacto na melhoria da saúde da população, através da formação dos profissionais de saúde. Esta função de promotor de conhecimento biomédico, no seu sentido mais abrangente, apoia-se na relação com instituições que se distinguem pela sua qualidade como a Association for Medical Education in Europe (AMEE) e a Sociedade Portuguesa de Simulação Aplicada ao Ensino Biomédico (SPSim).

Progressivamente, o projeto inicial adquiriu consistência e massa crítica, ao mesmo tempo que se identificavam outras necessidades e que novos conceitos eram criados. Desta forma, o desenvolvimento do LaC ao longo de vários anos levou à criação de um novo paradigma na forma de fazer educação médica, que aglutina de forma integrada quatro áreas de intervenção:

 

LaC - Vídeo de Apresentação



Get the Flash Player to see this player.